650 jovens participam do Congresso da Juventude na Diocese de Borba

A diocese de Borba realizou de 27 a 29 de outubro na paróquia de São Joaquim e Sant´Ana da cidade de Autazes o Congresso da Juventude, com o tema “Juventudes, fontes de vocações”, e com o lema: “Corações ardentes, pés a caminho”. Do encontro, que no último dia celebrou o Dia Nacional da Juventude (DNJ), participaram 650 jovens de todas a diocese.

Segundo Dom Zenildo Luiz Pereira da Silva, bispo diocesano de Borba, que fez um chamado aos jovens a se perguntar sobre como descobrir sua vocação, que se concretiza de diferentes modos, apresentando os pontos fundamentais do 3º Ano Vocacional: escutar, discernir, decidir, foram três dias de formação, espiritualidade, animação, shows e palestras.

O bispo agradeceu a mensagem do cardeal Leonardo Steiner, arcebispo de Manaus e presidente do Regional Norte1 da Conferência Nacional do Bispos do Brasil. Em sua mensagem, o cardeal destacou que a juventude da diocese de Borba, “se reúne, se congrega para poder refletir sobre os passos vocacionais”, lembrando o tema do congresso. Dom Leonardo Steiner destacou a importância do congresso como “momento de congraçamento, de congraçamento da vida do Evangelho e que vocês ajudem a crescer à Igreja”.

Lembrando sua participação na primeira etapa da Assembleia Sinodal do Sínodo da Sinodalidade, realizado no Vaticano de 4 a 29 de outubro, em representação dos bispos do Brasil, ele destacou que “temos abordado mais uma vez a presença dos jovens na Igreja, e vocês ao se encontrarem e ao estar em Congresso, ajudem à Igreja a realmente ser uma Igreja missionária, e que cada um possa diante de Deus receber o dom da vocação e viver essa vocação”. Finalmente, o cardeal insistiu aos jovens que “vocês são as fontes das vocações para nossa Igreja”.

Segundo Dom Zenildo Luiz Pereira da Silva, os jovens, que refletiram sobre as diferentes vocações com a orientação de diversos assessores, lhes convidando a buscar um projeto de vida, ficaram felizes com a mensagem do cardeal Steiner enviada desde Roma, e “agradeceram a comunhão e sinodalidade”.

Credito: Pe.Luis Miguel Modino, assessor de comunicação CNBB Norte1

Compartilhe:

Posts Relacionados

Nos Envia uma Notícia